IPVA 2018 Detran SP

DETRAN IPVA 2018 SP

Todos que compraram um carro recentemente, ou já o possuem faz uns anos, ou até pretendem comprar um carro, o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores, é uma preocupação a parte.

ipva-detran-sp

Cobrada anualmente e variando seu valor de Estado para Estado, para aqueles que moram no Estado de São Paulo, ou se mudaram recentemente para lá, isso pode complicar um pouco, mas com esse pequeno guia talvez suas duvidas sejam respondidas.

Seu primeiro registro

Para aqueles que compraram seu carro zero, mas não sabem como deve pagar ou as taxas a serem calculadas vai à explicação: o IPVA 2018 é um imposto cobrado anualmente e serve para a regulamentação de seu veículo, também é importante dizer que a Secretária da Fazenda do Estado disponibiliza as datas de pagamento pelas placas do IPVA.

O seu cálculo deverá ser feito de acordo com a data de emissão da nota fiscal de quando você comprou o veículo, por exemplo se você comprou um carro, você deve realizar o cálculo parcial de um ano, após a emissão do CRV, gerado no ano de débito do ano seguinte, que é liberada pela Secretaria da Fazenda, você será orientado a realizar o recolhimento dentro da data já estabelecida.

Lembrando que veículos novos podem recolher o IPVA 2018 SP em três parcelas mensais e sucessivas, tendo como regra a primeira parcela sendo paga dentro da data de recolhimento.

ipva-sp

Porque devo pagar o IPVA 2018 DETRAN SP?

Ele deve ser pago corretamente durante a data disponível para evitar altas multas, ou em alguns casos a apreensão de seu veículo.

O seu valor não é fixo, ou seja, ele pode ser diferente em cada pessoa, por que ele é estipulado de acordo com o valor que seu veículo possui e a alíquota estabelecida sobre ele.

Atenção:Caso você seja proprietário de veículos que estão com mais de 20 anos, então você está inseto de pagar seu IPVA. Mas se você estava isento pela antiga regulamentação, que isentava a partir de 10 anos de fabricação, você volta a pagar seu IPVA, tento agora que completar os 20 anos, para então ter direito à isenção do imposto.

IPVA SP 2018 alíquotas

A alíquota, de forma simplificada, é um porcentual que é aplicado para o cálculo do valor de um tributo. Ou seja, ela é um porcentual usado quando você precisa pagar seu IPVA.

Um pequeno exemplo:

Valor do carro: R$ 30 mil

Alíquota: 3%

Cálculo: 30.000 x 0,03

Resultado: O Valor cobrado no IPVA é de R$ 900.

Atenção: Recentemente a alíquota sofreualgumas mudanças, que são:

Para os veículos destinados a locação: 1%

Para as motos, caminhões, ônibus e utilitários: 2%

Para os automóveis: 3%

ipva-sp-tabela-valor-consulta

Descontos do IPVA SP 2018

Se você paga seu IPVA 2018 sempre em dia com valor integral, ou seja, sem parcelas, você pode ganhar um desconto que pode chegar a 15% do valor do seu IPVA SP 2018.

Esse desconto oferecido é uma grande vantagem para quitar seu imposto em dia, e manter seu veículo sempre dentro das normas de seu Estado. Sem mencionar que pagando em dia pode evitar multas e apreensões em uma blitz.

Para aquele que quer saber a tabela de pagamento do IPVA 2018 de SP, basta ir no portal do Detran SP e lá vai ter tudo. Até mesmo os como é feita a divisão para parcelamento dos números finais de cada carro.

Leia Mais

IPVA 2018 Atrasado

Pagamento IPVA 2018 Atrasado

Tendo em mente a recente crise financeira do país, é aceitável que muitos, por terem sido demitidos, não puderam pagar em dia seu IPVA, Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores. O que gera mais uma conta atrasada e preocupação.

ipva-atrasado

Você deve ter em mente que um IPVA atrasado pode gerar problemas, pois com o IPVA de data vencida você perde o desconto concedido por pagar o imposto dentro da data certa e seu veículo se torna irregular. Correndo o risco de ser até mesmo aprendido em alguma vistoria da policia.

Quem deve pagar o IPVA 2018?

O IPVA é o imposto cobrado de forma estadual, ou seja varia de Estado para Estado, variando de 1% a 6%,  cobrado anualmente de acordo com o valor do veículo.

Esse Imposto afeta muito as pessoas que possuem carros ou motos, ou ambos, entretanto também atingem todo os veículos, sejam eles aeronaves, ônibus, motocicleta e embarcações.

O valor que você paga é dividido em 50% para o Governo Federal e a outra metade vai para o Governo do Município a onde seu veículo foi licenciado. Esse dinheiro arrecado acaba se transformando em benefícios a sociedade, já que serão aplicados em áreas como saúde e educação, por exemplo.

Pagamento, parcelamento e atrasos

Para aqueles que já tenham o Renevam e GRD, Guia de Regulamentação de Débitos, ou Certificado de Registo e Licenciamento do Veículo, podem se dirigir as agencias bancárias credenciadas de seu Estado. Caso você tiver o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo, o seu Renavamjá vai estar registrado nele.

Também temos a possibilidade de pagamento atrás da Internet, pelo site do Banco Bradesco, e alguns Estados é possível ser feita em caixas lotéricas ligadas à Caixa Econômica Federal.

Esse parcelamento é feito em até três parcelas mensais, iguais e sucessivas, isso de acordo com o calendário de pagamento. Então caso quiser pedir o parcelamento, vá ao site do Bando do Bradesco, ou em qualquer unidade dele em seu Estado a onde se retira o GRD, e escolha entre pagar a vista ou em parcelas, caso você não tiver o dinheiro todo no momento. Você pode solicitar o parcelamento em qualquer momento. Ou seja, mesmo que você tenha deixado à data da primeira parcela passar, ainda sim terá o direito ao parcelamento. Mas, neste caso ela vai contar com o cálculo de mora.

Mas se você deixou de pagar por esquecimento da data, ou por qualquer outro motivo, você vai uma multa fracionada dia a dia, até o limite máximo que é de 20%, e um juros de 1% ao mês ou fração.

ipva-em-atraso

Pagando o IPVA atrasado

Para resolver esse problema inesperado, basta você ir no portal do Detran de seu Estado, e lá você irá emitir uma nova guia de pagamento de seu IPVA vencido com todo o valor atualizado incluindo seus juros e as correções monetárias,  caso seu o Detran de Estado não tenha essa opção online, você vai precisar ir até um poste de atendimento como o VaptVupt e fazer a sua solicitação.

O seu IPVA com a data vencida poderá ser prago, dentro do novo prazo, em uma agência bancária credenciada ou em casas lotéricas, os bancos credenciados são:

  • Banco do Brasil;
  • Mais BB (Corresponde ao Bancário do BB);
  • Correios;
  • Bradesco;
  • Caixa Econômica Federal;
  • Sicoob;
  • Santander;
  • Mercantil do Brasil.

Leia Mais

IPVA 2018 Pagamento

Pagamento IPVA 2018

De forma simples o IPVA é o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores, ou seja, é um imposto que será cobrado anualmente pelos Estados e pelo Distrito Federal, ele não tem relação com prestação de serviço, como todo o imposto ele faz parte da receita da União, Estados ou Municípios que utiliza apenas dados administrativos.

ipva-pagamento

O que faz dele, além de uma obrigação legal, ser dever para a comunidade.

Ele é pago anualmente, uma vez por ano todos os anos, pelos proprietários dos veículos, sejam carros, ônibus, caminhões, motos, tratores e etc. Este imposto é calculado e cobrado pela Secretaria de Estado da Fazenda.

Existem alguns veículos que não precisam pagar essa taxa, e eles são:

  • Veículos de entidades filantrópicas, desde que sejam devidamente registrados;
  • Veículos de aluguel, como taxis, reboques e similares;
  • Veículos adaptados para portadores de deficiência física;
  • Veículos oficiais, federais, estaduais e municipais;
  • Veículos com mais de 15 (quinze) anos de fabricação.

Para obter o guia de pagamento do IPVA 2018 você deve acessar o portal do Banco Bradesco, ou ir a uma unidade da instituição e lá digitar o número de seu Renavam, para que então possa obter o boleto para realizar o pagamento. O chamado Guia para Regularização de Débitos, ou só de GRD.

Esse boleto pode ser pago em qualquer agência bancária e pode também ser possível seu parcelamento.

pagamento-ipva

Parcelamento do IPVA 2018

O pagamento do IPVA 2018, disponível em GRD,pode ser dividido em 3 (três) parcelas mensais de formas iguais e sucessivas, seguindo o calendário de pagamento. O parcelamento poderá ser feito a qualquer momento, e mesmo que você deixe passar a data, por esquecimento ou por um problema maior, ainda terá direito ao parcelamento, mas vai vim com o calculo mora.

Esse parcelamento do IPVAé pedido através do site do Bradesco, ou de suas demais unidades pelo Estado, a onde se retira o GRD. Então quando você for pagar, basta decidir se vai quitar a vista ou em parcelas.

O que consta no GRD?

Para facilitar sua vida, todos os encargos de licenciamento estão agrupados aqui, tais como IPVA 2018, o Seguro Obrigatório, mas conhecido como DPVAT, as tarifas de serviço devida ao Bradesco, além de taxas para o Detran, como a vistoria e a Documentação de Arrecadação do Detran, a DAD.

Cheques e atrasos

Para você que tem cheque preencha-o corretamente, o nome do emissor, o banco e a seguinte frase “Este cheque destina-se ao pagamento da GRD tipo… Renavam n°…”.

Mas se você atrasou, seja por assunto pessoal ou não, vai ser cobrada o juro de mora. Mas não se preocupe, GRD já trás o valor da mora prevendo esse tipo de coisa, o que vai te dispensar de cálculos, carimbos e filas, sem falar das idas ao banco e Secretaria do Estado da Fazenda.

Mas o que é Juros de mora do IPVA 2018?

O Juros de Mora equivale à taxa referencial de Liquidação e Custódia – SELIC, para títulos federais. É calculada a partir do primeiro dia do mês subsequente ao vencimento do prazo até o último dia do mês anterior ao pagamento.

A multa mora é equivalente à taxa de 0,33% por dia de atraso, calculada a partir do primeiro dia após o vencimento da data de pagamento, é limitada a 20%.

É importante saber que o GRD não cobra apenas o IPVA 2018 do ano correntes, como o débitos dos últimos 5 (cinco) anos também podem ser pagos em GRD. Caso tiver dividas anteriores você pode optar por pagar separadamente, e não precisa ter pagado as anteriores para pagar a do ano corrente.

Leia Mais

IPVA 2018 Consulta

Consultar IPVA 2018

O Imposto sobre a Propriedade de Veículo Automotor (IPVA) deve ser pago anualmente por todas as pessoas que possuem veículo. O pagamento é a forma de deixar o veículo regularizado. Dessa forma você pode rodar com liberdade e evitar multas, além de outras consequências resultados do inadimplemento. Saiba como consultar o IPVA 2018.

ipva

O IPVA 2018 é um tributo que deve ser pago uma vez por ano, logo no começo. Trata-se de uma das principais obrigações que recaem sobre os proprietários de veículo automotor. Como os valores costumam ser altos, é interessante que você se organize financeiramente para pagar o IPVA 2018 dentro do prazo.

E se você não pagar o IPVA, já sabe o que acontece. Multa, problemas, dor de cabeça, “rombo no bolso” e muitos outros perrengues vão estar à sua “disposição”.

Aliás, se estiver pensando em vender seu carro, se o IPVA não estiver em dia nem isso você poderá fazer, pois sabe bem que não conseguirá fazer a transferência do bem e até mesmo jamais vai conseguir regularizá-lo se não efetuar o pagamento.

ipva-tabela

Dessa forma, se não pagar sucessivos IPVA’s saiba que esse valor vira uma verdadeira “bola de neve” e pode ser simplesmente avassaladora.

Depois disso, certamente será colocado em dívida ativa pelo Estado e aí, meu caro amigo, há execução judicial, o que envolve bens penhorados, gastos com advogados e a impossibilidade de fazer muita coisa, bem como projetos, pois você estará com um tremendo problema.

Logo, esses são argumentos fortíssimos para que você não deixe de pagar o seu IPVA no prazo.

ipva-consulta

Aproveite as opções de parcelamento que os Estados dão (nem todos) para pagar o seu IPVA com tranquilidade, ou, ainda, se tiver dinheiro, não pense duas vezes em pagar à vista e já se livrar do problema, até mesmo para não esquecer e nem sequer ter imprevistos que o impeçam de quitar a sua dívida IPVA.

Alguns Estados não permitem o parcelamento do IPVA para veículos novos. Assim, se está pensando em trocar de carro, guarde um dinheirinho extra para pagar o IPVA, sob pena de ficar em maus lençóis, até porque você terá outros gastos como seguro, gasolina, documentação do veículo, sem falar em parcelas de financiamento, se for o seu caso, o que pode sair muito, mas muito caro e realmente dar um rombo no bolso.

Leia Mais